Uninstalls: Você sabe a sua métrica?

Updated: May 6




Uma desinstalação é quando um usuário retira um aplicativo do celular. É uma das métricas mais difíceis de melhorar, pois você precisa estar bem consciente das suas suposições do por que isso está acontecendo. E podem haver muitas explicações para essa desinstalação. Desde usuários que não têm espaço suficiente em seus smartphones até um pequeno bug em seu aplicativo que arruinou completamente a experiência do usuário.


Há algumas outras razões que são ainda mais difíceis de descobrir, como um design não muito amigável que não envolve o usuário ou torna as ações importantes do app muito 'caras' em termos de esforço e tempo. Mesmo às vezes seu produto não tem market fit (infelizmente pode acontecer), então não faz sentido manter um aplicativo que realmente não resolve o problema do usuário.


É por isso que entender e olhar de perto a sua taxa de desinstalação é útil, é uma métrica que o ajudará a descobrir o que pode estar acontecendo com seu produto e por que/quando você está perdendo usuários.


Os altos números de desinstalações assustam todos os marketers. Você sabia que:


1 em cada 2 aplicativos que é baixado é desinstalado em menos de 30 dias.


Os benchmarks de desinstalações variam de acordo com a vertical do aplicativo, mas na verdade não parece ser muito boa para ninguém. A desinstalação na taxa geral varia entre 46% a 53%, dependendo do relatório/pesquisa. Outra informação relevante é que a taxa de desinstalação do Android é 2x mais alta em comparação com o iOS.


São números assustadores.


A COVID também está mudando a forma como os usuários consomem aplicativos e interagem com eles. A indústria mobile viu um grande aumento nas instalações (orgânicas e pagas) devido a lockdowns e trabalho em casa, já que as pessoas tendem a ter mais tempo livre agora.


Mas este tempo livre também saiu pela culatra, os clientes estão dispostos a experimentar novos aplicativos, mas se um aplicativo não atrair eles logo de início, é muito provável que ele o desinstale rapidamente.


Nós listamos 5 ações para ajudá-lo a baixar sua taxa de desinstalação após essas estatísticas alarmantes.


  • Antes de mais nada, certifique-se de que você está medindo a taxa de desinstalação em seu MMP, a quantidade de marketers que não usam ou não medem esta métrica ainda é muito alta.


  • Tente criar o melhor onboarding que puder. A taxa de desinstalação é sempre maior no primeiro dia, o que significa que seu aplicativo precisa cumprir o objetivo de envolver o usuário desde o início. Reúna-se com sua equipe de produtos. Na maioria das vezes o processo de onboarding e a experiência de onboarding vem do próprio produto e não das expectativas estabelecidas pelas campanhas de aquisição do usuário.


  • Estabelecer expectativas realistas também é importante, então tente melhorar a descrição de sua appstore, criativos e ad copies. Assim, você comunica exatamente o que vai entregar, com isso os usuários não ficarão frustrados e terão menos probabilidade de desinstalar.


  • Entenda qual mídia lhe trará a menor taxa de desinstalação. Cada mídia atinge um determinado tipo de público e de usuários. Se você analisar você verá comportamentos diferentes entre todas elas, use isso a seu favor.


  • Analise suas configurações de privacidade. Desinstalar aplicativos que não têm uma política clara de manter a privacidade e os dados dos clientes seguros e para si mesmos está ficando muito comum, portanto, preste atenção a isso também.


Agora que você tem uma melhor compreensão das taxas de desinstalação e algumas dicas para reduzir essas taxas, vamos colocá-las em prática! Não se esqueça de medir tudo e documentar seus esforços.